ARTIGOS JURÍDICOS Você sabia?

Compartilhe

VALORIZAÇÃO DA CIDADANIA

Muitas pessoas no Brasil, devido à sua simplicidade ou mesmo falta de oportunidade, desconhecem a base de seus direitos. Em razão disso, sofrem de abusos, ora casuais ora intencionais. Em geral os abusos que essas pessoas sofrem decorre da violação a direitos básicos que elas têm na qualidade de cidadãs.

Um dos grandes problemas que a sociedade moderna enfrenta está relacionado à capacidade de sua população compreender e exigir que seus direitos de cidadão sejam respeitados. Na medida em que o exercício e o respeito a esses direitos se torne mais frequente, certo que a sociedade estará mais desenvolvida e apta a fazer melhores escolhas. Essas escolhas produzirão reflexos no ambiente jurídico e até no político resultando em gestores públicos mais comprometidos com a cidadania e a necessidade das pessoas.

Na lacuna da defesa desses direitos básicos do cidadão, nasceu a Plataforma Defesa Num Click, um projeto de apoio solidário e totalmente gratuito ao cidadão. Esse projeto criou um ambiente onde o cidadão pode registrar seus problemas, aquilo que o aflige, que o entristeça, lhe cause indignação ou o amedronte de alguma forma, e que ele não saiba como agir. A sociedade tem problemas assim todos os dias.

“As pessoas acessam nossa plataforma e nos contam o problema que estão enfrentando sob o aspecto jurídico, e nós buscamos um advogado que possa orientá-la em seu direito”, diz o CEO e Co-Founder da Plataforma, Adriano Almeida Goes, Ph.D. em Engenharia Elétrica e Computação.

O sentimento das pessoas é muito importante, segundo Goes, pois reflete a aflição que elas estão sentindo por não saberem o que fazer diante de uma determinada situação.

“Esta semana” por exemplo, continua Goes, “recebemos o agradecimento de uma senhora chamada E.B., de Araçatuba-SP, que nos enviou um email com a seguinte mensagem: Obrigada por aceitarem minha reclamação. Estava me sentindo muito só com esse problema. Quando me falaram de vocês, surgiu uma luz. Obrigada por pelo menos me ouvirem!”

“Não poderíamos ter um presente de Natal melhor do que esse”, afirma Goes, “pois é exatamente isso que desejamos fazer pelas pessoas. Desejamos ouví-las e ajudá-las. Diariamente recebemos mensagens assim”.

Os serviços do projeto funcionam como um tipo de Centro de Valorização da Vida. Só que ao invés de levar conforto de vida para as pessoas, como o CVV faz, o Defesa Num Click atua como um Centro de Valorização da Cidadania, um Centro de Valorização do Direito, onde as pessoas são acolhidas e orientadas por profissionais especializados no mundo jurídico.

É um serviço solidário. Para a população a Plataforma atua de forma gratuita. Considerando que os serviços do projeto são voltados também para os Advogados e Estagiários em Direito, a Plataforma aproveita que possui as informações desses profissionais, e busca com inteligência artificial, um Advogado que possa atender ao seu cidadão necessitado de proteção jurídica.

Muitos Advogados da Plataforma também atuam dedicando algumas de suas defesas de forma solidária, ou seja, gratuitamente a seus usuários. “Há muito de responsabilidade social em nosso projeto” diz Goes, “e isso nos traz muita felicidade”.

Neste Natal, a sociedade também recebe de presente este serviço.

 

Fonte: www.defesanumclick.com.br


Gostou? Clique aqui e saiba mais como você pode fazer uma reclamação


23/12/2017 - 18:11:55 | VALINHOS, SP

Adriano Almeida Goes

Doutor em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Mestre e Graduado em Engenharia Elétrica - Telecomunicações. Pesquisador nas áreas de redes móveis, mmWaves, propagação de sinais e WSN. Atua há 20 anos na área de TI, Telecomunicações mais especificamente em redes de dados sem fio, atuando principalmente nos seguintes temas: WPAN e WMAN. Trabalhou como engenheiro projetista de redes para transmissão de tráfego celular. Participou no Brasil o grupo de avaliação de tecnologias (IMT-Advanced) para redes celulares em 2007 para a ANATEL. Integrou a equipe que desenvolveu e testou o chip passivo com segurança para os projetos Brasil-ID, pedágio eletrônico e projeto Ponto-a-Ponto. Possui várias publicações em congressos e revistas nas áreas onde atua. Foi ganhador do II Concurso Nacional Teleco de Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) 2006. Atualmente é pesquisador nas áreas de redes de computadores, WSN, RFID e IoT, explorando conceitos da nova geração de redes móveis (5G), no que se refere mais precisamente a IoT.

Quer reclamar de uma empresa ou serviço mal prestado?
Você está no lugar certo!

Estamos aqui para resolver os conflitos

Artigos Recentes